Comitê da Região Hidrográfica da Baía de Guanabara e dos Sistemas Lagunares de Maricá e Jacarepaguá

Subcomitê Leste promove debate sobre segurança hídrica

Primeira edição do evento “Roda de Conversa” reunirá especialistas para discutir soluções para o aumento da disponibilidade hídrica na região leste da Baía de Guanabara

O Subcomitê Leste do Comitê de Bacia da Região Hidrográfica da Baía de Guanabara (CBH  Baía de Guanabara) realiza, no dia 27 de abril, uma “Roda de Conversa” sobre segurança hídrica. Primeiro de uma série de sete eventos que vão compartilhar conhecimentos e apontar caminhos para a manutenção do abastecimento de água da população, o encontro virtual pretende gerar subsídios para a programação de um workshop específico sobre o tema.

Risco de insegurança hídrica
O trecho leste da Região Hidrográfica da Baía de Guanabara, composto pelos municípios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí, Tanguá, Cachoeiras de Macacu, Rio Bonito, Magé e Maricá, concentra aproximadamente dois milhões de habitantes, dentre os quais cerca de 1,7 milhão dependem quase que exclusivamente do sistema Imunana Laranjal, que é abastecido pelas bacias do Guapiaçu e do  Macacu.

O risco de insegurança hídrica na região é debatido desde a década de 1980, quando o plano de abastecimento público da CEDAE mapeou sete sítios barráveis no Leste metropolitano. Atualmente, com o novo marco regulatório do saneamento e a concessão dos serviços de água e esgoto da CEDAE, o assunto voltou a atrair a atenção em razão da construção da barragem Guapiaçu estar prevista no caderno de encargos como uma das atribuições da concessionária Águas do Rio, a qual divide a opinião de especialistas.

Como o Subcomitê Leste tem entre suas responsabilidades promover a gestão democrática e descentralizada das águas e mediar conflitos na região em que atua, o colegiado decidiu reunir representantes do poder público, concessionárias, organizações que dependem economicamente dos recursos hídricos da região e sociedade civil para aprofundar a discussão sobre os impactos que a obra trará.

O tema
O tema desta primeira Roda de Conversa é “Vulnerabilidade e pressões ambiental, social e econômica da região leste” e visa justamente identificar os principais conflitos, riscos e pressões ambientais que estão relacionados à manutenção da quantidade e da qualidade da água na região, além de coletar informações sobre a contextualização territorial da região.
Participam do evento a supervisora local da EMATER-RJ, Delaine Arneiro; a pesquisadora do Núcleo de Estudos e Projetos Habitacionais e Urbanos (NEPHU) da Universidade Federal Fluminense (UFF), Eloísa Helena Freire, e o presidente do Conselho Fiscal da ALERJ, Mauro Osório. Para acompanhar o debate, os interessados deverão acessar o canal do CBH Baía de Guanabara no YouTube na data e horário previstos.

Serviço
Evento: Roda de Conversa “Vulnerabilidade e pressões ambiental, social e econômica na região leste”, do Subcomitê Leste do CBH Baía de Guanabara
Dia: 27/04
Horário: 14h
Inscrição: Gratuita

Informações para Contato

AGEVAP- Associação Pró-Gestão das Águas da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul
Rua da Quitanda, 185 - sala 402
Centro, Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20.091-005
(21) 97374-3674
(21) 2531-0309

Emails de Contato do Comitê:

Contato Central do Comitê

Diretoria do Comitê

Secretaria Executiva

Parceiros do CBH BG